Em colaboração com

Departamento de Bioquímica e Biologia Celular da UNIVERSIDADE DE CÓRDOBA.

UNI-CORDOBA-low

Instituto de Investigação. IFAPA “Las torres-Tomejil” Sevilha.

IFAPA-low

Centro Tecnológico TECNOVA.

TECNOVA-low

Projetos em desenvolvimento

Projeto de Investigação e Desenvolvimento
INDUTORES DE VIAS DE DEFESA DE PLANTAS CONTRA PATOGÉNICOS FÚNGICOS

Projeto Nº: idi-2013-0179.
Orçamento total do projeto: 349.428,00 €.
Cofinanciado pelo fundo europeu de desenvolvimento regional (FEDER) através do programa operativo de I+D+i.
Com a participação do Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI).

 

Projeto de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (I+D+I) – Projetos de aplicação do conhecimento existente
FORMULAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE UM NOVO PRODUTO ECOLÓGICO PARA A DESINFEÇÃO DE SOLOS AGRÍCOLAS

Código de pedido número: 760395
Investimento com incentivos do projeto: 90.320,80 €
INCENTIVOS PARA O FOMENTO DA INOVAÇÃO E DO DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL NA ANDALUZIA. Ordem de 18 de janeiro de 2012 de incentivos para o fomento da inovação e desenvolvimento empresarial da Andaluzia. (BO JA nº 18 de 27 de janeiro de 2012).
O projeto é cofinanciado num 80% pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, em execução do Programa Operativo FEDER Andaluzia 2007-2013 e/ou a Subvenção Global de Inovação-Tecnologia-Empresa da Andaluzia 2007- 2013.

 

Projeto de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (I+D+I) – Projetos de aplicação do conhecimento existente
OBTENÇÃO DE NOVO EXOELICITOR DE ORIGEM NATURAL PARA TRATAMENTO DE VÍRUS CUCHARA (TYLCV) NO CULTIVO DE TOMATE

Código de pedido número: 760415
Investimento com incentivos do projeto: 116.914,65 €
INCENTIVOS PARA O FOMENTO DA INOVAÇÃO E DO DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL NA ANDALUZIA. Ordem de 18 de janeiro de 2012 de incentivos para o fomento da inovação e desenvolvimento empresarial da Andaluzia. (BO JA nº 18 de 27 de janeiro de 2012).
O projeto é cofinanciado num 80% pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, em execução do Programa Operativo FEDER Andaluzia 2007-2013 e/ou a Subvenção Global de Inovação-Tecnologia-Empresa da Andaluzia 2007- 2013.

 

Projeto RECUPERA 2020. Projeto com o CSIC (Conselho Superior de Investigações Científicas) – Instituto da gordura.
Serviço de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (I+D+i) para a obtenção e desenvolvimento de novos produtos naturais para sempre utilizados em agricultura a partir de soluções provenientes da preparação de azeitonas destinadas ao instituto de gordura

Nº de expediente 324/14
Cofinanciado pelos Fundos FEDER (POFT).
Investimento do projeto: 165.890,00 €

 

Projeto de Investigação e Desenvolvimento
FORMULAÇÃO DE COMPLEXOS ECOSUSTENTÁVEIS PARA A MELHORIA DAS CARACTERÍSTICAS BIOMECÂNICAS E TEXTURAIS DE FRUTOS DO TOMATE

Projeto Nº: IDI-20160439
Orçamento total do projeto: 234.826,00 €.
Projeto concedido pelo Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI) e cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operativo Pluriregional de Crescimento Inteligente.
OBJETIVO: O objetivo geral do presente projeto é o desenvolvimento de um novo produto para nutrição vegetal a partir de moléculas específicas de extratos vegetais que, quando aplicado durante a etapa de cultivo do fruto, tenha o efeito específico de melhorar a qualidade pós-colheita de frutos de tomate potenciando a dureza dos frutos através de um aumento da resistência das suas paredes celulares que até agora não puderam ser comercializadas em mercados estrangeiros devido à baixa dureza e à sensibilidade da sua epiderme.
Duração: 18 meses (maio 2016- out 2017)

Projetos anteriores

Produção e avaliação de compostos suscetíveis de serem utilizados em agricultura como biofungicidas e/ou indutores de resposta de defesa em plantas de morango.

Avaliação dos efeitos de produtos fito fortificantes no cultivo do morango. Incidência sobre insetos praga e espécies comercialmente disponíveis da fauna auxiliar.

Avaliação dos efeitos de produtos fito fortificantes no cultivo do morango. Influência sobre a incidência de doenças fúngicas.

Análise da capacidade de produtos fito fortificantes de ativar a expressão de genes marcadores das rotas de resposta à defesa perante ataques de agentes patogénicos (salicilato e jasmonato) em suspensões celulares de morangos.